Skip links

3 segredos para inovar no seu negócio

Qualquer pessoa sabe que para ter sucesso em algo, é preciso se destacar. Apresentar algo novo, diferente e criativo, que de alguma forma seja único – apesar da exclusividade ser rara hoje em dia. Para isso é preciso sempre buscar o novo e não se apegar tanto ao tradicional, porém mantendo a sua essência. No mundo corporativo, inovar no seu negócio se torna muito mais do que uma necessidade, e sim uma exigência se a sua ideia é crescer.

Uma ideia boa resulta em uma ideia brilhante

Para inovar, você precisa pensar fora da caixa e ao mesmo tempo estar atento as tendências. Quanto mais estimular o seu cérebro a ter boas ideias, mais chances você tem de aprimorar essas ideias para se tornarem brilhantes.

Em resumo, as três dicas fundamentais para encontrar essa ideia inovadora é:

  • exercitar a criatividade
  • anotar ideias (mesmo que não sejam tão boas)
  • sempre está disposto a se atualizar.

A tecnologia não é a essência da inovação, e sim o seu complemento

Inovação não é necessariamente criar uma tecnologia. Você pode inovar no seu negócio na forma que atende os seus clientes, no funcionamento da sua empresa, em qualquer área você pode se modernizar. O segredo está na criatividade. A tecnologia é o auxiliar, você pensa em algo novo e a usa para dar sentido à ideia.

O Uber é um bom exemplo para esse tópico, afinal ele é uma empresa digital nativa e usa a tecnologia ao seu favor. Você acha que o diferencial do Uber está na tecnologia? A resposta é não. O aplicativo inova na forma de oferecer o serviço, e a tecnologia é usada para colocar em prática essa inovação.

Hoje, quase tudo, pede a tecnologia, e também as redes sociais, para colocarmos em prática as nossas ideias. Busque uma nova forma de oferecer um serviço, de resolver algo na sua empresa, e utilize esses meios ao seu favor. No caso das redes sociais, você pode inovar por lá usando a criatividade e a estratégia de marketing de conteúdo.

Rejeição faz parte, aprenda a lidar

Mais do que ter uma boa ideia, é compreender que para ela ser aceita leva tempo. Você pode querer revolucionar o atendimento com os seus clientes, e de início eles podem rejeitar, mas isso não significa que a ideia é ruim. Uma rejeição pode ser o impulso para você aprimorar a sua ideia inovadora.

Tudo que é novo pode causar estranheza em um primeiro momento, mas se for algo realmente bom, com o tempo esse sentimento é trocado por confiança.

Muitas pessoas consideradas inovadoras foram criticadas e tiveram a sua ideia rejeitada, mas não desistiram no primeiro “não”, dessa forma conseguiram fazer história. Falando em não desistir de algo, você pode ler nosso artigo “5 filmes que todo empreendedor deve assistir” para se inspirar.